Notícias

Prefeitura de PG diz que atraso nas obras da Construção da UBS Sady Silveira estão paralisadas devido à falta de repasse da SESA Paraná.

19 de agosto de 2020
ubs-sady-2

Informações levantadas pelo vereador Pietro Arnaud dão conta de que as obras da construção da UBS Sady Silveira, anunciada por Rangel em janeiro de 2018, irá demorar mais cinco meses para ficar pronta.

O vereador Pietro Arnaud (PSB) recebeu da Fundação de Saúde de Ponta Grossa, informação assinada pela Presidente da FMS, Angela Conceição Oliveira Pompeu, chancelada pelo Prefeito Marcelo Rangel (Of. 1602/2020) que revela que as obras da construção da Unidade Básica de Saúde Sady Silveira, anunciada por Rangel em janeiro de 2018, localizada ao lado da Biblioteca Pública Municipal, encontrar-se-iam paralisadas, devido a falta do repasse de verba do convênio com a Secretaria do Estado da Saúde – SESA, o que teria ocasionado a paralisação de pagamento junto à construtora responsável pela obra.

Consta ainda da resposta ao Requerimento de Informações n.º 256/2020, de 20/07/2020, de autoria de Pietro, que a 2.º parcela estadual, no valor de R$ 450.000,00 teria sido depositada apenas no dia 09/07/2020.

Moradores estão sendo atendidos em um barracão nas proximidades

Em 20 de julho, após receber informação do Munícipe Sr. Fábio Henrique Garcia de que as obras estariam paralisadas e que os moradores estariam sendo atendidos em um barracão, Pietro questionou a FMS, através do Ofício n.º 44/2020, sobre a situação.

Fundação de Saúde realizou dispensa de licitação para locação de imóvel

Em que pese a Fundação Municipal de Saúde informar oficialmente ao vereador Pietro que estima em cinco meses o prazo para finalização da obra,  causou estranheza ao parlamentar que, na edição de hoje do Diário Oficial de 19 de agosto de 2020, foi publicada a Ratificação de Dispensa de Licitação n.º 37/2020, cujo objeto é: “Locação de Imóvel situado a Rua: Conde de Monsavás n°168, Bairro Olarias, destinado ao uso e funcionamento das instalações da unidade básica de saúde Sady Macedo Silveira, no decorrer de 12 meses.” 

Em janeiro de 2019, Prefeitura havia dito que a paralisação das obras seria resultado do período de férias dos funcionários da empresa contratada. 

Segundo nota oficial emitida pela prefeitura de Ponta Grossa em janeiro de 2019, as obras estiveram paralisadas por conta do período de férias dos funcionários da empresa contratada Primordial Construções Civis, e deveriam ser retomadas na primeira semana de janeiro, entretanto, com a resposta do Requerimento Parlamentar, restou evidenciado que a paralisação teria ocorrido por falta de repasse da SESA.

Segundo informações divulgadas pela prefeitura, a nova UBS Sady Silveira, terá duas equipes de saúde da família, com oito mil pacientes já cadastrados e capacidade de atender até 16 mil atendimentos por mês. Segundo levantou-se, o espaço da UBS deve contemplar 430 m² de área construída, incluindo recepção, cinco consultórios gerais e um odontológico, salas destinadas à aplicação de medicamentos, imunização, inalação coletiva e curativos/sutura/coleta, além de um ambiente específico para reuniões periódicas de grupos gestantes, diabéticos e idosos.

A ordem de serviço para a construção foi assinada pelo em dezembro de 2018 e os recursos são provenientes de uma emenda parlamentar no valor de R$ 1,3 milhão.

requerimento-256-ubs-sady